© Copyright 2000 - 2019  Família Bolsonaro
Please reload

POSTS RECENTES: 

SIGA

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

O CASO NUNCA FOI TÃO GRAVE - 2015, GOVERNO FEDERAL ESTIMULA INVASÕES DE TERRAS DE PRODUTORES EM PROL DE SEUS "ÍNDIOS".

 

No momento em que o Congresso Nacional aprecia a PEC 215/2000, que retira do Poder Executivo e passa a responsabilidade para o Congresso Nacional das terras indígenas, dificultando as demarcações, os ataques dos índios sobre a tutela do Governo do PT, e suas linhas auxiliares (PSOL e PCdoB) não coincidentemente se intensificam, tanto nas dependências daquela Casa de Leis quanto nos Estados produtores, prejudicando a agricultura, a pecuária, a empregabilidade e o desenvolvimento econômico das regiões: pilares fundamentais da sociedade brasileira.

 

--------------------------------------------------------------------------------------------

 

PEQUENOS VÍDEOS:

 

1- FUNAI LEVA ÍNDIOS DENTRO DE CARROS PARA INVADIR FAZENDA DE PRODUTORES. VEJA A REAÇÃO DOS TRABALHADORES. http://migre.me/s7tJU

 

‪2- FAZENDEIROS DO MATO GROSSO DO SUL RELATAM FATOS E PEDEM SOCORRO CONTRA INVASÕES INDÍGENAS‬. http://migre.me/s7tM2

 

3- DEPUTADO FEDERAL (SP) E POLICIAL FEDERAL EDUARDO BOLSONARO FALA VERDADES NA CARA DE ÍNDIOS INVASORES. http://migre.me/s7tPO

 

4- JAIR BOLSONARO - AS TRAMÓIAS DAS RESERVAS INDÍGENAS E A COBIÇA INTERNACIONAL (Não podemos deixar). http://migre.me/s7tRI

 

5- GOVERNO BRASILEIRO DESENVOLVE LEGALIDADE PARA DAR RIQUEZAS E  CRIAR TERRITÓRIO INTERNACIONAL DENTRO DO PAÍS. http://migre.me/s7tTD

 

 

 

DESCRIÇÃO DOS ACONTECIMENTOS: 

 

A- TRAGÉDIA ANUNCIADA NO MATO GROSSO DO SUL

 

O Mato Grosso do Sul está em pé de guerra devido a invasões indígenas em fazendas de produtores agrícolas, principalmente na cidade de Antônio João. Alegando morosidade da justiça para decidir sobre questões de terras locais os índios da região invadiram e seguem expulsando fazendeiros de suas casas, cometendo cárcere privado, lesões corporais, injúrias e até tortura. Com base em fontes da região o caso está na justiça federal e cabe à Polícia Federal fazer a reintegração das propriedades, porém a PF não tem efetivo suficiente para tanto. A Polícia Militar por sua vez necessita de um pedido formal para auxiliar na operação, mas a PF não lhe endereça um ofício porque o próprio Ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, entende que se trata de uma retomada de terras indígenas e não de uma invasão. Ou seja, sob sua ótica está tudo certo. Estamos falando de trabalhadores rurais que há mais de 40 anos plantam na região, isto é muito mais tempo do que o necessário para ser ter o direito de propriedade das terras (usucapião), se este fosse o caso. Mas não é, tratam-se de terras adquiridas legalmente. 

 

Continuando as incredulidades tem-se a CNBB (bispos católicos comunistas), a CIMI (Conselho Indigenista Missionário), a própria FUNAI e, claro, ONG's - estas a mando de ingleses - incentivando e agitando as invasões. Fazendeiros relatam que índios chegaram a entrar em fazendas até mesmo através de carros da Força Nacional.

 

Você já se imaginou chegando em casa e tendo um desconhecido lá lhe impedindo de entrar porque ele acha que tem mais direitos do que você, ainda que você tenha comprado a casa com base em muito suor seu e de sua família? Bem vindo ao socialismo, pseudo nome do comunismo. O ideal seria o governo indenizar os índios, se de fato eles tiverem direitos sobre as terras, mas ao cruzar os braços ele compactua com uma tragédia anunciada. Que Deus nos proteja, mas se algo ocorrer daí sim a imprensa, que agora não dá a devida atenção ao caso, irá demonizar certamente os fazendeiros. Hoje é com a terra e direitos dos agricultores, amanhã será com a nossa. Repasse, divulgue este vídeo com o apelo da fazendeira Luana, vamos fazer o governo ouvir os anseios da sociedade e tomar providências, pois os fazendeiros estão desamparados.

 

B - CONFLITOS ÍNDIOS x FAZENDEIROS NO MATO GROSSO DO SUL DEBATIDO EM BRASÍLIA

 

Audiência pública na CDH (Comissão de Direitos Humano): "audiência para solucionar os conflitos indígenas no Mato Grosso do Sul". A mesa estava composta apenas por índios - ou pseudoíndios, pois muitos vem do Paraguai - e seus defensores. Dos depoimentos que pude ouvir só se noticiava vitimização, chegou-se a dizer que os fazendeiros estavam formando milícias para exterminar crianças indígenas e capangas estupravam suas meninas e mulheres.

 

O Deputado Federal (SP) Eduardo Bolsonaro entrou em contato com o Deputado Federal Elizeu Dionizio (MS) e com a fazendeira Luana de Antônio João (MS) para levantar mais informações sobre a situação local e fez intervenção demonstrada em vídeo anteriormente. O que mais os índios querem? Quem está por trás disso? 

 

-------------------------------------------------------------------------------

 

ACOMPANHAMENTO DINÂMICO DAS INFORMAÇÕES

NAS REDES SOCIAIS:

 

. JAIR BOLSONARO (DEPUTADO FEDERAL / RJ)

 

- Twitter: @DepBolsonaro

- Fan Page (Facebook): Jair Messias Bolsonaro

- Instagram: @JairMessiasBolsonaro

- Home Page: www.bolsonaro.com.br. 

 

 

EDUARDO BOLSONARO (DEPUTADO FEDERAL / SP)

 

- Twitter: @BolsonaroSP

- Fan Page (Facebook): Eduardo Bolsonaro

- Instagram: @BolsonaroSP

- Home Page: www.eduardobolsonarosp.com.br

 

Please reload